domingo, 14 de dezembro de 2008

Melhores Livros 2008

14 Dezembro, 2008
O ano está a acabar e todos nós lemos muitos livros. Ou não fossemos uma Comunidade de Leitores...
Eu gosto de listas. Gosto de pensar em livros alinhados na minha cabeça por importância, grau de prazer, riqueza de ensinamentos, detonador de emoções, etc., etc.
E quanto a vós, companheiros de leituras?
Seria possível escolhermos os melhores livros do ano que passou? Ou, melhor dizendo, quais foram as melhores leituras que fizemos, neste espaço de tempo? Proponho que, cada um de nós, indique um máximo de três melhores títulos no geral e um só - o melhor - das duas Comunidades. Vamos votar?

3 comentários:

Comunidade de Leitores disse...

A nossa amiga Conceição Tavares da Comunidade da Culturgest pediu-me para eu registar o seguinte comentário/ escolha: Em primeiro lugar, e em jeito de abraço de fim-de-ano, quero deixar aqui o meu “muito obrigada”. Obrigada pelo que me foi dado descobrir e conhecer a partir das leituras e das intervenções dos participantes nesta Comunidade de Leitores.
Os livros que li este ano não são todos edições recentes; no entanto, foi este ano que os li, por isso destaco os que mais me deliciaram/desafiaram (excluindo os da Comunidade) : “Mr. Vertigo” de Paul Auster, “D. Casmurro” de Machado de Assis e “A Fábula do Biógrafo” de A. S. Byatt.
Esta última leitura veio no seguimento da experiência difícil de “Possessão”. A dificuldade foi, no entanto, um caminho de descoberta, para a qual muito contribuiu o debate na Comunidade. O mundo de A. S. Byatt depressa se tornou fonte de inesgotáveis curiosidades. Por isso fui à procura de mais informação... até que descobri “A Fábula do Biógrafo”. E desta vez, a experiência foi fantástica e inspiradora. Fantástica, porque depois de todo o debate e pesquisa, entrei na trama ficcional e no seu universo de referências com o deleite que só uma leitura informada pode proporcionar. Inspiradora, porque andando eu a preparar-me para escrever uma biografia, a escrita de Byatt foi o terreno em que vi testadas e acrescentadas criativamente todas as leituras teóricas que tenho vindo a fazer sobre o género biográfico. É claro que eu não teria vivido este processo pessoal sem a participação de todos vós. E, obviamente, dos livros da Comunidade de Leitores, só posso eleger para primeiro lugar “Possessão”. Um livro que voltarei a ler, agora com um novo olhar.
Feliz Natal para todos!
Boas e doces leituras!
Conceição Tavares

Raul Ramos Gouveia disse...

Olá Helena,

Antes que o ano nos deixe, não quero deixar de participar na votação para a eleição dos três melhores livros da última Comunidade de 2008.
Do conjunto dos seis livros que lemos e dissecámos elejo a “Possessão” de Antonia S. Byatt como a melhor obra;
Em segundo lugar, coloco o “Retrato do Artista Quando Jovem” de James Joyce; e
Em terceiro lugar, fica “O Retrato de Dorian Gray” de Oscar Wilde, ex-aequo com a “Rapariga com Brinco de Pérola” de Tracy Chevalier.
Informo que já estou inscrito para participar na próxima comunidade. Não se esqueçam de cumprir essa pequena formalidade.
Por último desejo à nossa Helena e a todos os colegas leitores um Feliz Ano de 2009.

Raul Gouveia

apereirinha disse...

Ai que bom vir a este blog e ver que dois livros que eu publiquei estão entre as descobertas e os prazeres maiores desta bela comunidade - A Fábula do Biógrafo, maravilhoso livro que li e escolhi para editar na saudosa colecção Ficção-Verdade da Temas e Debates, e a Rapariga com Brinco de Pérola, que também publicámos na mesma colecção. Obrigada Helena, Obrigada Conceição, Obrigada Raul! Bom ano leitor!